Catrian

"Ser ao mesmo tempo o veneno e o antídoto."

4 de nov de 2012

Beijando sapos ou príncipes?

Quantos sapos já beijamos até esse momento, na esperança (melhor dizendo ilusão) de que virariam o HOMEM dos sonhos? A resposta é muitos, alguns muito pegajosos, outros nem tanto, para alguns por alguns instantes a mágica fez efeito ou será que foi a tequila, não sei dizer ao certo, um dia quem sabe eu beije um sapo e ele se torno o que sempre desejei, ou posso beijar um príncipe e ele irar um sapo.